Workshop de capacitação em jornalismo investigativo seguido por estudos de terreno

terça-feira 16 de Outubro de 2012

A atividade tem por objetivo consolidar os princípios fundamentais do exercício do jornalismo: a busca da liberdade, a independência, a imparcialidade, a inclusão dos marginalizados, e a responsabilidade.

Leia mais >>

Dez mil assinaturas reclamando « Justiça para Thomas Sankara, Justiça para África »

segunda-feira 15 de Outubro de 2012

O presidente Thomas Sankara completaria 63 anos se não tivesse sido assassinado pelos homens de Blaise Campaoré, o atual presidente de Burkina Faso e de Gilbert Diendéré, seu chefe do Estado Maior. Campaoré foi condecorado com a Ordem Nacional da Legião de Honra da França, durante una viagem que fizera a essa nação, em maio de 2008.

Leia mais >>

O Franco CFA, um insulto para a soberania dos países africanos

segunda-feira 15 de Outubro de 2012

Em 5 de outubro de 2012 se comemora o 40º aniversário do Franco CFA.

Leia mais >>

Thomas Sankara foi assassinado há 25 anos: Sua visão está mais viva do que nunca!

segunda-feira 15 de Outubro de 2012

Há 25 anos, a comunidade internacional recebia formalmente, ou com indiferença, a notícia do assassinato brutal de Thomas Sankara, presidente de Burkino Faso. Essa atitude demonstrou que “a comunidade internacional” não está interessada no desenvolvimento independente da África.

Leia mais >>

Chamada para mobilização internacional contra a dívida pública e para tributar homenagem a Thomas Sankara em Uagadugu (Burkina Faso), de 13 a 16 de outubro de 2012

quinta-feira 4 de Outubro de 2012

Em 15 de outubro de 1987, no 4º ano de seu mandato como presidente de Burkina Faso, Thomas Sankara morre no meio de um golpe de Estado. Ele tinha lutado pela dignidade de seu povo e por uma nova onda de libertação no continente africano, com nova geração de chefes de Estado a serviço de seus povos, e capazes de enfrentar-se às potências imperialistas. Sem dúvida, Thomas Sankara foi assassinado por ter lutado contra o neocolonialismo e, especificamente, contra a escravidão moderna provocada pela dívida pública.

Leia mais >>

Chamada à mobilização internacional contra a dívida pública em homenagem a Thomas Sankara

quinta-feira 4 de Outubro de 2012

Em 15 de outubro de 1987, después de quatro anos como presidente de Burkina Faso, Thomas Sankara morre durante un golpe de Estado. Tinha lutado pela dignidad de seu povo e pela libertação do continente africano com uma nova geração de Chefes de Estado dedicados à sua gente e capazes de enfrentar as potências imperialistas. Sem dúvida,Thomas Sankara foi asassinado porque lutava contra o neocolonialismo e, concretamente, contra a escravidão moderna, provocada pela dívida pública.

Leia mais >>

TRANSFORMAR AS RELAÇÕES INTERNACIONAIS PARA UM MUNDO JUSTO

quarta-feira 26 de Setembro de 2012

O Conselho para o Desenvolvimento da Pesquisa Econômica e Social da África (CODESRIA), assim como Human Science Research (HSRC) têm a satisfação de anunciar a realização do 3º Fórum Mundial das Ciências Sociais (FMSS) em 2015, na África.

Leia mais >>

Os parlamentares da África Ocidental se familiarizam com os temas relativos às negociações AAE e OMC.

segunda-feira 24 de Setembro de 2012

Negociações multilaterais decorreram na Organização Mundial do Comércio (OMC) e bilaterais com os Acordos de Associação Econômica (AAE) passando pela construção da integração regional. Os Estados da África Ocidental se comprometeram uns e outros com estas modalidades tão necessárias.

Leia mais >>

O périplo da Sra. Hillary Clinton pela África: em busca de um paradigma perdido

domingo 23 de Setembro de 2012

O périplo da Sra. Hillary Clinton, Secretaria de Estado dos Estados Unidos, começou em Dacar. Logo depois fez escala em oito países. Aliás, todos bastante importantes merecendo destaque África do Sul, Quênia, Nigéria, Uganda, Sudão do Sul e Gana, entre outros. Sua escala no Senegal foi marcada pelo discurso que pronunciara na Universidade de Cheikh Anta Diop (UCAD 2). Os observadores da política norte-americana, entre eles Demba Moussa Dembélé, economista senegalês, formularam a mesma pergunta: o que há por trás do longo périplo africano?

Leia mais >>

Os países africanos e a Zona do Franco: Permanecer na cilada ou abraçar a independência monetária?

sexta-feira 21 de Setembro de 2012

O franco CFA tem sido alvo de muitas controvérsias desde que começaram as independências dos países africanos membros da Zona do Franco. Rapidamente ergueram-se as vozes para denunciar a ligação do franco CFA à moeda francesa, vista como instrumento de dominação, inclusive até de submissão e opressão dos países africanos

Leia mais >>

... | 30 | 40 | 50 | 60 | 70 | 80 | 90 | 100 | 110 | ...

Tejiendo Redes.
C/ Hermanos García Noblejas, 41, 8º. 28037 - MADRID.
Tlf: 91 4084112 Fax: 91 408 70 47. Email: comunicacion@fidc.gloobal.net

SPIP |